>Unimed e Bayer – conheça um pouco mais da comunicação interna dessas empresas

> Para encerrar a cobertura da 3ª edição do seminário de Comunicação Interna realizado pelo IQPC apresentaremos dois cases de comunicação interna das empresas Unimed e Bayer, sendo que o primeiro tem foco em Comitê de Comunicação Interna e o segundo em Mensuração de Resultados. Confira:

Unimed: Com 11 anos no mercado. a Central Nacional Unimed possui 720 colaboradores, 820 mil clientes e 125 mil empresas clientes. A maior parte do seu público internos é formada por funcionários jovens.

Em 2002, a Comunicação Interna já exisitia na empresa, porém ainda estava em estágio de desenvolvimento. Sendo assim, muitos colaboradores enviam e-mail sobre diversos assuntos (inclusive formatações de mensagens coloridas, com desenhos…) para todos, o que acabava impactando na comunicação corporativa.

A empresa pensou em várias alternativas para padronização, porém foi em 2006, que este processo realmente aconteceu de forma efeitva. Todos os veículos de comunicação interna ganharam uma “cara única” e os funcionários foram estimulados a continuar indicando temas para divulgação, entretanto agora havia uma filtragem de Comunicação Interna, cujo intuito não era “proibir” que os temas fossem publicados, pelo contrário, eles selecionavam a melhor forma e mídia para que a mensagem fosse mais efetiva.

Esse processo continuou até 2008 quando eles perceberam a necessidade de envolver as pessoas na construção da Comunicação Interna. A partir desse objetivo foi aberto um recrutamento para os funcionários participarem do Comitê de Comunicação Interna da empresa.

A principio ele tinham o papel de levantar as informações do que estava acontecendo na companhia, bem como dar retorno sobre o clima, ajudando assim no melhor desenvolvimento da Comunicação Interna.

Como parte do resultado do trabalho desenvolvido, em 2008 o Comitê de Comunicação Interna foi citado durante a pesquisa “Melhores Empresas para se Trabalhar”, do Guia Exame Você S/A, em que a Unimed entrou no ranking.

Bayer CropScience: Cláudia David, Gerente de Comunicação da América Latina da Bayer CropScience apresentou como a empresa utiliza a pesquisa para mensurar a Comunicação Interna, ajudando a demonstrar seus resultados e fazer com que ela esteja cada vez mais alinhada ao negócio.

Com 900 colaboradores, que atuam na fábrica, no campo e na sede administrativa, a Bayer CropScience tem como missão “desenvolver e implementar conceitos e ações integradas de comunicação, visando a divulgação da imagem da empresa no Brasil para os seus públicos prioritários”.

Uma das formas de medirem o trabalho que realizam, bem como promover melhorias, a empresa aplica diferentes tipos de pesquisa. Para identificar quais atributos formam a imagem interna da organização eles utilizaram o “Método de Configuração da Imagem – MCI”.

Através dos questionários foi possível levantar quais as ideias dos funcionários estavam mais ligadas à real imagem que a organização gostaria de ter e quais atributos definidos pela Bayer CropSciencesão mais lembrados pelos respondentes.

A partir dos resultados, foi possível identificar quais os gaps da imagem da organização e como a comunicação interna poderia contribuir com o processo, portanto, ela seria fundamental e estratégica para o negócio.

Comments

comments

Tem algo a dizer? Fique a vontade!

 
Seguir

Receba os posts em seu email.

Cadastre seu email